quarta-feira, 2 de novembro de 2011

O quê você espera encontrar numa farmácia?

O quê você espera encontrar numa farmácia?

A resposta parece óbvia, não? Mas o fato é que, quase todos os dias, muitas pessoas procuram este tipo de estabelecimento para procurar os mais diversos produtos, muito além de medicamentos, perfumaria e afins...

Posso citar alguns exemplos (presenciados por mim, ou por colegas próximos):


  • Bolinha de Ping-Pong
  • CD virgem
  • Ralinho de inox para pia
  • Carrinho de brinquedo
  • Graxa Nugget para sapatos
  • Cópia ("vocês tiram xerox???")
  • Sorvete
  • Refrigerantes
  • Agulha e linha
  • Globo terrestre
  • Caneta
  • Baralho




Parece que, quando a pessoa não sabe onde encontrar o produto, ou não consegue encontrá-lo em nenhum outro lugar, dirige-se à farmácia, porque "lá deve ter"! Para quem mora no estado de São Paulo, onde a fiscalização é mais intensa, essas coisas podem parecer absurdas. Porém, sei também que muitos destes ítens são encontrados em farmácias Brasil afora. O que não é permitido por lei.

Isso apenas nos mostra como este setor foi se desvirtuando ao longo das últimas décadas. Deixou de ser um estabelecimento de saúde, para se tornar um simples comércio, que vende de tudo. Inclusive remédios.



_________________________________________________

4 comentários:

  1. engracado que dois dias depois de eu ler este post, uma cliente veio me pedir "massa pra bolo" na farmacia que trabalho...
    Paulo _ Farmaceutico -Curitiba

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Trabalho em farmácia, e um cliente veio pedir Graxa Nugget para sapatos, deu uma puta raiva. Me deu vontade de falar, "isso aqui é farmácia e não mercado".

      Excluir
    2. O pior é que eu já atendi uma cliente pedindo a mesma coisa!!!

      Excluir
  2. É verdade. Esse tipo de coisa ocorre na maioria das vezes, em farmácias de rede. Isso ocorre mas é ilegal, porém, ninguém se preocupa em impedir isso. Para um estabelecimento poder funcionar legalmente, dentre outras coisas precisa comprar um alvará. O alvará, é uma licença que categoriza o ramo de atividade de uma empresa, estipulando o que o estabelecimento pode ou não comercializar. Um supermercado não pode vender animais, por exemplo, pois o alvará de mercado não permite vender isso... No caso das farmácias, ela só pode realizar comércio de drogas, medicamentos, insumos farmacêuticos e correlatos e dá outras providências. Existe diferença entre farmácia e drogaria. Farmácia só pode vender medicamentos e produtos correlatados, como seringas, coletores de exames e etc. Já as drogarias além disso, podem vender cosméticos e itens relacionados a saúde, como inaladores, aparelhos de diagnóstico e etc. O alvará de farmácia não permite o comércio de alimentos, roupas, piercings, e outras coisas assim.
    Isso ocorre porque cada vez mais, as farmácias tem se focado apenas e ter o maior lucro possível, mesmo que isso implique em deixar de ser uma fármácia...

    ResponderExcluir

Pesquisar este blog

Você também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...